Maria Bethânia e a cubana Omara Portuondo encantam chilenos

Em show único em Santiago, cantoras mesclaram a salsa caribenha com o samba e a bossa-nova brasileiros

Ansa,

06 de junho de 2008 | 16h02

Maria Bethânia e a cubana Omara Portuondo foram aplaudidas pelo público chileno em sua primeira e única apresentação em Santiago, na qual mesclaram a salsa caribenha com o samba e a bossa-nova brasileiros.   Veja também: Maria Bethânia ganha o Prêmio Shell de Música 2008   Juntas no começo, separadas depois, e novamente juntas no fim da apresentação, as cantoras fizeram o público vibrar no teatro Caupolicán, com um espetáculo dirigido por Jaime Alem e Swami Jr.   Em pouco menos de duas horas, Maria Bethânia e Omara Portuondo contagiaram o público com energia, nostalgia e emoções.   Omara, de 77 anos, a única estrela feminina do lendário Buena Vista Social Club, dedicou Dos Gardenias ao seu companheiro Compay Segundo e agitou os espectadores com Tal Vez, de Juan Formell.   Bethânia, de 61 anos, emocionou o público com sua voz e o fez vibrar com a bossa-nova e o samba.   A turnê das artistas começou em março e passou por São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Salvador, Curitiba e Porto Alegre.   Do Chile, as cantoras partem para a Argentina, onde se apresentarão no sábado, 7, em Buenos Aires em um show que já conta com quase todos os ingressos vendidos.

Tudo o que sabemos sobre:
Maria BethâniaOmara Portuondo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.