Manifestantes prometem atrapalhar Grammy Latino

Manifestantes anti-Fidel Castro prometeram atrapalhar a festa do Grammy Latino também em Los Angeles. O evento foi transferido recentemente de Miami para lá por receio de que houvesse protestos contra a presença de artistas cubanos. Os piqueteiros cubano-americanos de grupos como a Junta Patriotica Cubana disseram que a distância não é problema: seus protestos também vão ser realizados na cerimônia do dia 11 na Califórnia. Gloria Estefan e seu marido Emilio anunciaram que não vão comparecer ao evento. Eles tinham garantido sua participação na festa da Flórida. Entre os cubanos que confirmaram presença na cerimônia, estão o pianista de jazz Chucho Valdes, o cantor pop Andres Alen e o artista de salsa Isaac Delgado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.