Mais de mil policiais farão a segurança do "Live 8"

Mais de mil policiais serão responsáveis pela segurança do show "Live 8", que acontecerá amanhã no Hyde Park de Londres para pedir o fim da pobreza na África, dias antes da cúpula do Grupo dos Oito, na Escócia. Segundo fontes da polícia de Londres, as folgas dos policiais foram canceladas para este fim de semana, já que se espera a presença de cerca de 200 mil pessoas no show organizado pelo músico irlandês Bob Geldof. A subcomissária Helen Ball disse hoje que trata-se de uma das maiores operações policiais dos últimos anos, similar às comemorações do 50.º aniversário da chegada da rainha Elizabeth II da Inglaterra ao trono, em 2002. Embora as forças da ordem não esperem incidentes amanhã, há planos para enfrentar qualquer eventualidade, como um ataque terrorista, acrescentou Ball. A subcomissária especificou que a polícia trabalha para permitir um meio ambiente seguro, no qual as pessoas possam estar tranqüilas e desfrutar do espetáculo. O show, que coincidirá com outros na Europa e EUA, acontecerá antes da cúpula do G8 (Alemanha, Canadá, EUA, França, Itália, Japão, Reino Unido e Rússia) de Gleneagles (Escócia), que acontece de 6 a 8 de julho. No evento de amanhã participarão U2, Elton John, Paul McCartney, Robbie Williams e Sting, entre outros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.