Mãe de menino que acusa Jackson enganou jornal

A mãe do menino que acusa Michael Jacksonde abuso sexual enganou um jornal que publicou uma notícia pedindo doações para o tratamento de câncer de seu filho, segundo um programa de televisão dedicado a assuntos legais de celebridades.Em 2000, a mulher disse a um jornalista do jornal comunitário Mid Valley News, que seu filho estava com câncer e a editora do jornal concordou em publicar a matéria, disse o programa Celebrity Justice. Apesar disso, as despesas médicas foram totalmente cobertas por um seguro médico do pai do menino. "Meus leitores foram usados. Meus funcionários foram usados. Isso é asqueroso", disse a diretora do jornal, Connie Keenan, no programa. O jornal cobre a zona suburbana do vale de SanGabriel, no sul da Califórnia.Depois de ficar sabendo das acusações contra Jackson em 2003, Keenan disse ter entrado em contato com o ex-advogado do cantor, Mark Geragos, e enviado uma cópia da matéria. Além disso, ela fez contanto com os defensores do cantor recentemente.Jackson, de 46 anos, se declarou inocente das acusações de abuso sexual de menor, de conspirar e oferecer bebidas alcoólicas à suposta vítima. O julgamento começa em 31 de janeiro. Clique aqui para ler outras matérias sobre Michael Jackson no Estadao.com.br

Agencia Estado,

04 de janeiro de 2005 | 12h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.