Madonna vai jantar com Vladimir Putin após show em Moscou

Madonna foi convidada para jantar com o presidente russo Vladimir Putin e suas filhas Maria e Katya um dia depois de sua apresentação em Moscou, segundo publicou o tablóide britânico "The Sun". O show da turnê "Confessions" está marcado para o dia 11 de setembro."Há tempos ela quer se encontrar com ele (Putin), mas ele não sabia ao certo se seria possível. O fato de suas filhas serem grandes fãs de Madonna fez com que concordasse no fim das contas", disse uma fonte ao jornal.Especula-se que a popstar aproveite a oportunidade do encontro com o presidente russo para discutir assuntos como a paz mundial. "Sem dúvida Madonna vai falar sobre a paz ao invés de conversar sobre seus hits dançantes", revelou a fonte.Ameaças de seqüestroO convite para jantar com Putin veio à tona depois que a imprensa divulgou que um grupo criminoso russo estaria planejando seqüestrar a cantora e seus dois filhos, com o objetivo de impedir que ela se apresente em Moscou. A máfia supostamente não quer que a cantora vá ao país porque reprova a cena da "crucificação" que a intérprete de "Hung Up" tem realizado em seus shows da turnê "Confessions". De acordo com o "The Sun", as ameaças preocuparam sobretudo Guy Ritchie, o marido de Madonna, que pediu à produção do show o aumento das medidas de segurança para proteger a mulher e os filhos, Rocco e Lourdes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.