REUTERS/Mario Anzuoni
REUTERS/Mario Anzuoni

Madonna escolhe Cuba para comemorar aniversário de 58 anos

Cantora desembarcou em Havana com familiares e amigos

Redação, EFE

16 Agosto 2016 | 10h12

A cantora americana Madonna chegou ontem, 15, em Havana, para uma visita privada em comemoração ao seu aniversário de 58 anos. Ela nasceu no dia 16 de agosto de 1958.

Ela se hospedou no Hotel Saratoga, no centro da capital cubana, o mesmo escolhido por Beyoncé durante sua passagem por Havana em 2013 - ela foi uma das poucas celebridades americanas a visitar a então proibida Cuba, antes da reaproximação entre os dois países anunciada em dezembro de 2014.

Centenas de pessoas aguardaram a chegada de Madonna, que viajou ao País acompanhada de amigos e familiares, entre os quais estão sua filha Lourdes León, o fotógrado Steven Klein e o bailarino e modelo Loic Mabanza.

No entando, a multidão acabou se dispersando já que a diva evitou o público e a imprensa que se encontravam na porta do hotel e saiu pelas ruas de Havana.

O desembarque da cantora foi precedido de uma grande revolta nas redes sociais, que anteciparam seus movimentos e até divulgaram uma suposta fotografia tirada no avião em que Madonna viajava.

A artista tem laços familiares que a unem à ilha caribenha, já que o pai de sua fila Lourdes é o ator cubano Carlos León.

Mais conteúdo sobre:
Madonna Havana Cuba

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.