Madonna diz não temer Eminem

Madonna não teme Eminem. A estrela norte-americana disse a um diário britânico não concordar com os textos misóginos do rapper e que condena seu ódio contra os homossexuais, mas irá se apresentar na festa do Grammy, que ocorre no dia 21 de fevereiro no Staples Center de Los Angeles. Justificou sua posição dizendo que crê no direito de livre expressão, e que fará valer a sua opinião quando estiver empunhando o microfone. Também admitiu que quando o rapper se apresentar, irá ouvir o que ele tem a dizer. Para a festa da música norte-americana, ela confirmou presença, mas desistiu de participar do Brit Awards.Eminem, por sua vez, garantiu que vai estar na festa do Grammy. Em uma entrevista para a MTV Europa, deu o motivo da decisão. "Vou porque ninguém quer a minha bunda lá", disse. "Então vou sentar minha bunda fedorenta do lado do ´N Sync e jogar moedas neles e dizer na cara de todo mundo: ´beijem a minha bunda!" Ainda não há informações sobre se ele vai cantar ou não na cerimônia de entrega do prêmio, para o qual concorre em quatro categorias, inclusive na de melhor disco do ano por The Marshal Mathers LP.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.