Madonna ama mais a si mesma do que ao marido, diz irmão

'Espero que a Cabala ensine que ela não é o centro do universo', afirma Christopher Ciccone em autobiografia

Associated Press,

09 de julho de 2008 | 15h55

Na autobiografia intitulada Life With My Sister Madonna (A Vida com Minha Irmã Madonna), o irmão da popstar diz que a ela realmente ama seu marido, o cineasta Guy Ritchie, mas que, ao que parece, não tanto quanto sua carreira ou a si mesma.   Veja também: Britney Spears participará de nova turnê de Madonna em vídeo Em comunicado, Madonna nega 'affair' com jogador de beisebol   "Espero que a Cabala ensine que ela não é o centro do universo", escreve Christopher Ciccone em seu livro, que será publicado na terça-feira, 15.   O livro de 342 páginas, publicado pela editora Simon Spotlight Entertainment, chega em um momento em que Madonna está sendo apontada como pivô da separação do jogador de beisebol Alex Rodriguez, do New York Yankees, com sua esposa, Cynthia Rodriguez, que solicitou o divórcio na segunda.   Madonna emitiu no domingo um comunicado dizendo que não tem "nada a ver com as condições do casamento (de Rodrigues) ou com o caminho espiritual que ele escolheu seguir", aparentemente sobre as notícias de que ela introduziu o jogador para Cabala, uma forma judia de misticismo.   Segundo Ciccone, apesar dos rumores de separação, Madonna e Ritchie se amam. O irmão da cantora acredita que o casal está "comprometido" a seguir casado, com a ajuda da Cabala.

Tudo o que sabemos sobre:
MadonnaGuy Ritchie

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.