Louis Vuitton vence processo contra vídeo de Britney

Fabricante de artigos de luxo não gostou de ver sua marca em videoclipe da cantora

Associated Press,

20 de novembro de 2007 | 19h21

O fabricante de artigos de luxo Louis Vuitton venceu um processo no qual acusa Britney Spears de violar leis contra a falsificação, ao apresentar um painel de automóvel com estofamento cor-de-rosa com a marca Vuitton em um videoclipe.   Uma corte parisiense ordenou que a Sony BMG e a MTV Online parem de exibir e promover o vídeo da canção Do Something, e multou ambas as companhias em US$ 117 mil cada, disse uma porta-voz da Vuitton na segunda-feira.   A corte não considerou Britney pessoalmente culpada, mas declarou as duas empresas culpadas de violar leis contra a falsificação.   A sentença afirma que o vídeo representa um "ataque" às marcas e á imagem de luxo da Louis Vuitton, disse a porta-voz. O videoclipe ainda estava disponível no YouTube nesta terça-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
Britney SpearsLouis Vuitton

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.