Mario Anzuoni|Reuters
Mario Anzuoni|Reuters

Lollapalooza 2017: Sem estar pronta, Tove Lo já é um ídolo

Cantora sueca, apesar do pouco naturalismo, arrebanha grande plateia no Axe

Julio Maria, O Estado de S.Paulo

25 Março 2017 | 21h50

Foi um choque cultural ver Tove Lo depois da imunização racional de Criolo. Lo é uma garota sueca descoberta pelo single Habbits em 2013. Sua música é absurdamente pop, sua postura é cheia de fatalismos e sensualidade e sua escalação, ao contrário dos prognósticos, parece acertada em termos de público. Tove Lo não é uma desconhecida no Brasil. Sua plateia teen sabia muitas de suas músicas de cor, desde a abertura com True Disaster

Um som eletrônico programado saía misturado com o que talvez estivesse sendo feito na hora pelo tecladista, pelo baterista e por um percussionista. O telão mostrava fãs às lágrimas na beira do palco quando ela começou Moments, sinais de que a esteira do pop, graças às mobilizações de redes socias, tem andando mais rápido a cada ano. Tove Lo, mesmo sem ainda saber se mover no palco com naturalidade, é um ídolo. E ninguém viu quando isso começou a acontecer. 

Mais conteúdo sobre:
CrioloBrasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.