Divulgação
Divulgação

Lobão recusa convite e promove boicote ao Lollapalooza em vídeo

Cantor propõe iniciativa dos artistas como protesto ao tratamento dado às atrações brasileiras em grandes festivais

Juliane Freitas - estadão.com.br,

21 de novembro de 2011 | 13h04

SÃO PAULO - Lobão divulgou na internet neste fim de semana um vídeo em protesto à atenção dada aos músicos brasileiros nos festivais internacionais brasileiros.

O cantor afirma que recusou o convite para tocar no Lollapalooza, evento importado dos Estados Unidos, criado pelo vocalista do Jane's Addiction, Perry Farrell, que será realizado no País pela primeira vez nos dias 7 e 8 de abril de 2012 no Jóquei Club.

O motivo seria a imposição de que os artistas nacionais toquem somente durante o dia, independentemente de seu tempo de carreira ou sucessos, deixando a noite para os artistas internacionais.

Lobão fala ainda de uma espécie de cota, que obriga os festivais a terem artistas brasileiros para acontecer, e faz um chamado a outras bandas nacionais para que boicotem o Lollapalooza.

Rebatendo a crítica feita pelo músico, a organização do festival declarou, durante coletiva de imprensa transmitida ao vivo pela internet na manhã desta segunda-feira, 21, que as alegações de Lobão quanto aos horários das apresentações nacionais não são verdadeiras. "Os artistas brasileiros tocarão das 12h às 23h, espalhados nos cinco palcos, antes e depois dos internacionais". "É importante colocar da forma mais clara possível o respeito que a gente tem pelos artistas nacionais", acrescentou um dos produtores.

Phillipe Seabra, vocalista da Plebe Rude ,escalada para tocar no evento, afirmou que os horários das apresentação serão intercalados com os internacionais, de acordo com o que ele viu na coletiva de imprensa, e que não havia nenhuma cláusula limitando o horário da banda. "Eu acredito, até pelo histórico do Lollapalooza, que eles terão um cuidado especial com os brasileiros", disse, comentando a briga entre o

Os veteranos do Velhas Virgens também comentaram positivamente a participação no Lollapalooza em mensagens publicadas no Twitter.

Na rede de microblog, o vocalista do Detonautas Roque Club, Tico Santa Cruz, lidera um movimento de apoio a Lobão. Entre diversos posts, o cantor defende: "juntos somos mais fortes sempre. Pelo Festival LollaPalooza que é SENSACIONAL, e pelos direitos IGUAIS entre Brasileiros e Gringos".

O Rappa, Wander Wildner, Marcelo Nova, Rhytim Monks, Cascadura, Pavilhão 9, Tipo Uísque, Suvaca de Prata,Veiga e Salazar, Velhas Virgens, estão entre as atrações brasileiras confirmadas.

Comunicado oficial. Em nota divulgada na tarde desta segunda-feira, 21, Lobão, reafirmou sua posição e disse que torce para que a mentalidade de empresários de festivais comece a mudar.

"Se esta é a nova decisão do Lollapalooza, nós realmente ficaremos felizes em saber que as coisas podem começar a mudar no Brasil e que finalmente, mesmo que aos poucos, nossos artistas poderão ser reconhecidos com o valor que merecem", diz a nota. Leia na íntegra o comunicado no blog Radar Cultural.

Notícias relacionadas
    Tudo o que sabemos sobre:
    LobãoLollapalooza

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.