Lobão faz prévia de novo álbum e DVD

Lobão riu por último. Depois de vender mais de 100 mil cópias do belo disco A Vida é Bela sem depender de nenhuma gravadora ou empresário, o anti-herói da música brasileira agora está esnobando todos os que lhe fecharam as portas. Para provar que não depende mais da indústria fonográfica nacional, Lobão se apresenta hoje, a partir das 22h30, no Sesc Belenzinho. É mais um passo para o compositor carioca se firmar como o maior e melhor artista independente brasileiro.O show será uma prévia do próximo trabalho do cantor, Lobão 2001: Uma Odisséia no Universo Paralelo, que deve ser lançado até o fim do ano. O disco foi gravado ao vivo, em junho, no Rio de Janeiro, e também ganhará uma versão em DVD. O projeto contou com a produção do próprio Lobão e de Carlos Trilha, que já trabalhou com a Legião Urbana e em discos solos de Renato Russo. O pacote Lobão 2001 sai com tiragem de 50 mil cópias e estará à venda também em Portugal, com 20 mil cópias exclusivas para os irmãos lusitanos. Os discos serão vendidos em bancas de jornais por R$ 11,90 (CD) e R$ 19,90 (DVD).Acompanhado do baterista Adal Fonseca e do baixista Marcelo Granja, Lobão apresenta um repertório - tanto no show, quanto no CD e no DVD - composto por canções da trilogia Nostalgia da Modernidade (95), Noite (97) e A Vida é Doce (99), que bebe na fonte do trip hop e em outras sonoridades moderninhas, entremeadas aos sucessos que arregimentou, como Me Chama, Rádio Blá e a nova versão de Decadence Avec Elegance.Outros destaques são as inéditas Lullaby, uma "canção-de-ninar de terror", e a polêmica Para o Mano Caetano, uma resposta do grande lobo, inimigo n.º 1 das majors, ao leãozinho-mor da música popular brasileira.Lobão - Hoje, às 22h30, no Espaço Dançante do Sesc Belenzinho (Av. Álvaro Ramos, 991, tel.: 6605-8143). R$ 15.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.