Líder do Coldplay é acusado de agressão, outra vez

Mais um fotógrafo se diz vítima de Chris Martin. Depois do incidente na Austrália, no ano passado, quanto tentou exigir de um paparazzi que apagasse as imagens de sua câmera digital, o líder do Coldplay é agora acusado de agredir um fotógrafo que tentava clicá-lo saindo de um restaurante em Londres, com sua mulher, a atriz Gwyneth Paltrow, que está grávida.A nova vítima, Alessandro Copetti, contou ao tablóide The Sun que estava tirando fotos de Gwyneth, na frente do restaurante San Lorenzo, quando foi chutado pelas costas. A polícia confirma a queixa, que ocorreu na noite de quarta.Segundo a assessoria da banda, a abordagem do fotógrafo é que foi agressiva. Chis teria então se esforçado para que sua mulher tomasse um táxi em segurança, dada a gravidez avançada, mas não teria causado nenhum impedimento ao fotógrafo. Ao perserguir o táxi, o fotógrafo teria tropeçado e caído.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.