Led Zeppelin não vai repetir show antes de setembro

A banda britânica Led Zeppelin gostou deter se reunido para um show beneficente no ano passado, mas nãovai voltar a tocar antes de setembro, disse o guitarrista dogrupo, Jimmy Page, em Tóquio, nesta segunda-feira. O bem-sucedido reencontro da banda em Londres no mêspassado despertou nos fãs esperanças de uma turnê mundial, masPage disse que as apresentações do vocalista Robert Plant com ocantor norte-americano Alison Krauss causam um conflito deagendas. "Posso garantir a vocês que a quantidade de trabalho quenós tivemos para o show O2, ensaiando e nos bastidores, foiprovavelmente o que se faz para uma turnê mundial", dissePage. Mas, "Robert Plant também tem um projeto paralelo emandamento e está realmente ocupado com esse projeto, certamenteaté setembro, então não posso dar novidades a vocês". Page, que está em Tóquio para promover o lançamento degrandes sucessos, afirmou que o reencontro foi uma boainiciativa. "Foi divertido, fantástico, cada semana era uma semanaanimada", disse ele. "Nós fizemos o show e foi ótimo." A banda, formada em 1968 por Page, Plant, o baixista JohnPaul Jones e o baterista John Bonham, tornou-se um dos maioresgrupos de rock do mundo na década de 1970. O quarto álbum, lançado em 1971, incluiu a canção maisfamosa, "Stairway to Heaven". Estima-se que a banda tenhavendido em todo mundo 300 milhões de álbuns. O grupo decidiu encerrar a parceira após a morte de Bonham,em setembro de 1980, mas Page e Plant tocaram juntos algumasvezes desde então. Plant, Page e Jones tocaram juntos para 20.000 espectadoresno dia 20 de dezembro do ano passado, com o filho de Bonham,Jason, na bateria. Quando o show foi anunciado, o site da Internet que vendiaos ingressos saiu do ar devido ao número de acessos. Apossibilidade de uma turnê mundial animou fãs do grupo em todoo planeta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.