Led Zeppelin diz que novo show será 'fantástico'

Membros da banda oferecem ao mundo uma oportunidade de lembrar o que ainda são capazes de fazer

Mike Collett-White, da Reuters,

17 Outubro 2007 | 12h13

O Led Zeppelin tocou junto poucas vezes desde que se separou em 1980, após a morte inesperada do baterista John Bonham, e seus integrantes reconhecem que cada uma dessas ocasiões foi "um caos".   Veja também:  Led Zeppelin vende músicas na Internet pela primeira vez   Mas um novo show da banda, marcado para 26 de novembro, oferece aos membros sobreviventes de um dos grupos mais influentes e bem-sucedidos da música pop uma oportunidade de lembrar ao mundo o que é capaz de fazer.   O baixista John Paul Jones e o guitarrista Jimmy Page disseram que se juntaram ao vocalista Robert Plant e a Jason, filho de John Bonham, numa sessão secreta este ano, para decidir se deveriam seguir adiante com a apresentação em Londres.   "O som foi como se tivéssemos tocado juntos todas as noites por três semanas", disse Jones, 61 anos. "Se esse foi o ponto de partida, então o show será fantástico."   O grisalho Jimmy Page, 63 anos, acrescentou: "O fato de podermos tocar e fazer a coisa vibrar de fato, como aconteceu já no primeiro dia em que nos juntamos, isso é algo que justifica uma expectativa, em todos os sentidos."   Muito diferentes dos roqueiros barulhentos que eram nos anos 1970, sua época áurea, os músicos procuraram desfazer o hype que cerca seu reencontro.   Eles também evitaram responder a perguntas sobre se o show, um tributo beneficente a Ahmet Ertegun, co-fundador da Atlantic Records que morreu no ano passado, será o ponto de partida de uma turnê. "Estamos nos concentrando nesse show apenas", disse John Paul Jones.   Quando a apresentação foi anunciada, em setembro, o site que vende os ingressos saiu do ar várias vezes, congestionado por milhões de fãs.   Além do show, no qual a banda deve tocar por 90 minutos, o Led Zeppelin anunciou recentemente que vai lançar sua música online pela primeira vez no próximo mês.

Mais conteúdo sobre:
Led Zeppelin show

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.