Kid Rock é condenado a um ano de prisão condicional

Sentença é por participação do músico em uma briga no restaurante Waffle House em outubro de 2007

Associated Press,

22 de julho de 2008 | 17h20

O músico Kid Rock foi condenado a um ano de prisão condicional e multado em US$ 1 mil por participação em uma briga no restaurante Waffle House em outubro de 2007. O advogado do Departamento de Polícia do condado de DeKalb disse que o músico de 37 anos, cujo nome verdadeiro é Robert J. Ritchie, também foi condenado na segunda-feira a seis horas de terapia para controle emocional e 80 horas de serviço comunitário. Kid Rock não contestou a ameaça seguida de violência física. Quatro ameaças foram abandonadas. O ônibus da turnê de Kid Rock chegou no restaurante Waffle House pouco depois de 5 da manhã, em 21 de outubro de 2007, após um show no Tabernacle, em Atlanta. A briga começou porque um cliente reconheceu uma mulher que estava acompanhando o grupo do músico e foi conversar com ela. A pancadaria continuou no estacionamento do restaurante.

Mais conteúdo sobre:
Kid Rock

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.