REUTERS/Carlo Allegri
REUTERS/Carlo Allegri

Justin Timberlake pede desculpas a Britney Spears e Janet Jackson: 'Sei que errei'

O cantor se manifestou depois de críticas surgidas nesta semana a entrevistas que ele deu cerca de 20 anos atrás a respeito de sua vida sexual com Britney quando ambos estavam no auge da carreira

Jill Serjeant, Reuters

12 de fevereiro de 2021 | 17h49

LOS ANGELES - O astro pop Justin Timberlake emitiu um pedido de desculpas público à sua ex-namorada Britney Spears e à cantora Janet Jackson nesta sexta-feira, dizendo que errou com elas no passado.

Timberlake se manifestou em sua conta de Instagram depois de críticas surgidas nesta semana nas redes sociais e na mídia a entrevistas que ele deu cerca de 20 anos atrás a respeito de sua vida sexual com Britney quando ambos estavam no auge da carreira.

A reação veio na esteira de um documentário de televisão sobre a ascensão e a queda de Britney, inclusive como ela foi menosprezada pela mídia quando o relacionamento terminou, em 2002.



Timberlake também é assombrado há anos por acusações de que não assumiu responsabilidade suficiente pela infame "falha de guarda-roupa" do show do intervalo do Super Bowl de 2004, quando expôs um seio de Janet Jackson no palco acidentalmente.

"Quero me desculpar especificamente tanto a Britney Spears quanto a Janet Jackson individualmente, porque eu me importo com estas mulheres e as respeito e sei que errei", escreveu Timberlake, de 40 anos, no Instagram.

O intérprete de Sexy Back, hoje casado com a atriz Jessica Biel, disse que lamenta ter falado o que não devia, ou não ter falado, sobre o que era certo no passado.

"Entendo que deixei a desejar nestes momentos e em muitos outros e que me beneficiei de um sistema que tolera a misoginia e o racismo", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.