Wilton Junior/ Estadão
Wilton Junior/ Estadão

Justin Bieber foi citado em processo por crime contra o patrimônio

A defesa do cantor canadense terá prazo de três dias para se manifestar

Roberta Pennafort, O Estado de S.Paulo

30 Março 2017 | 11h24

RIO - No Brasil para shows da turnê Purpose Tour, o cantor Justin Bieber foi citado judicialmente nesta quarta-feira, 29, no processo referente a crimes contra o ordenamento urbano e o patrimônio cultural, que ele cometeu no Rio em 2013. 

O mandado de citação foi expedido pelo juiz Rudi Baldi Loewenkron, da 34ª Vara do Rio. O cantor canadense pichou o muro do Hotel Nacional, na zona sul do Rio, obra de Oscar Niemeyer que é tombada. 

A defesa de Bieber terá prazo de três dias para se manifestar. Provavelmente, alegará que o artista, por ser estrangeiro, não sabia que era proibido pichar. Os crimes são de baixo potencial ofensivo.

Bieber se apresentou no Rio ontem na Apoteose para cerca de 30 mil pessoas e canta no fim de semana em São Paulo.

 

Mais conteúdo sobre:
Hotel Nacional

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.