Justiça concede liminar ao cantor Belo

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Nilson Naves, concedeu há pouco liminar ao cantor MarceloPíres Vieira, mais conhecido como Belo, sustando o cumprimento do mandado de prisão expedido contra ele. A suspensão valeráaté que a Quinta Turma do STJ julgue o mérito do habeas-corpus no qual foi concedida a liminar. Com isso, Belo, que estavaforagido para fugir do cumprimento do mandado de prisão, poderá voltar a fazer shows. Como o Judiciário está de recesso, ojulgamento do processo do cantor somente deverá entrar em pauta a partir de fevereiro.

Agencia Estado,

12 de janeiro de 2004 | 12h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.