Juiz russo considera banda punk Pussy Riot culpada

Um juiz russo declarou nesta sexta-feira as três mulheres da banda punk Pussy Riot culpadas pela acusação de vandalismo motivado por ódio religioso por fazerem um protesto contra o governo na principal catedral de Moscou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.