Juiz libera vídeo de Diana Ross presa

Um juiz americano liberou a exibição sem som do vídeo feito durante a prisão da cantora Diana Ross por estar dirigindo embriagada no Arizona, no dia 30 de dezembro do ano passado. O advogado da artista tentou impedir, no início do mês, o lançamento do vídeo, alegando que ele tinha sido feito por um policial que não participava da operação. O oficial que filmou a cena só ligou a câmera quando soube que era a cantora que estava sendo presa. Ele acabou concordando em lançar sem som. Diana Ross dirigia na contramão quando foi abordada por policiais, que fizeram o teste do bafômetro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.