Javier Barbancho/ Reuters
Javier Barbancho/ Reuters

Jorge Drexler revela que teve coronavírus, mas que está recuperado

Cantor uruguaio e sua mulher, a atriz e cantora espanhola Leonor Watling, ficaram isolados e que ele sentiu muito medo; em rede social, faz apelo para todos ficarem em casa

Lucila Sigal, Reuters

31 de março de 2020 | 09h03

O cantor e compositor uruguaio Jorge Drexler contou que ele e sua mulher, a atriz e cantora espanhola Leonor Watling, contraíram o coronavírus, mas que já estão recuperados, segundo uma entrevista ao canal espanhol de televisão La Sexta. 

Drexler, que mora em Madri e recentemente compôs a canção Codo con Codo para a conscientização sobre a prevenção ao vírus, disse que teve muito medo.

“Quando voltei à Espanha vindo de Porto Rico, depois de suspender a turnê que tinha planejado, minha mulher começou a ter sintomas e se auto-isolou em um cômodo da casa e na semana seguinte eu comecei a me sentir mal”, contou o cantor.

“Passei alguns dias muito diferentes, com muito medo, embora tenha tido a versão leve da doença. Ficamos bastante assustados”, acrescentou Drexler sobre o coronavírus, que na Espanha infectou mais de 6.500 pessoas e deixou 838 mortos.

O cantor, que promoveu apresentações em casa e publicou recentemente mensagens pedindo que seus seguidores respeitem a quarentena, disse que durante as últimas duas semanas não pôde tocar violão e que agora se sente bem.

“Gostaria de dizer que sairemos disso...Temos de ter serenidade e deixar os hospitais livres para as pessoas que realmente precisam”, afirmou.

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Jorge Drexlercoronavírusmúsica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.