João Donato e Ithamara: encontro inédito

O show, sábado e domingo no teatro do Sesc Pompéia, é de João Donato. Mas, por iniciativa dele, terá a participação da cantora Ithamara Koorax. "Tive a idéia quando a vi no Mistura Fina, no Rio. Fiquei impressionado com a sua segurança vocal e seu espírito jazzístico", diz ele.Embora Donato observe as mesmas características na parceira e compositora Joyce (e use as mesmas palavras para comentar a qualidade do trabalho de ambas), com quem recentemente apresentou-se no Rio, o encontro com Ithamara tem grande valor, sobretudo, por ser inédito. Ainda não sabem o que farão juntos, mas, tirando pela habilidade musical dos dois, só boas lembranças devem ficar guardadas.Donato e Ithamara já se conhecem há algum tempo, mas não se recordam exatamente da data. Esse encontro, inédito no palco, coincidentemente ocorre numa fase em que ambos estão voando alto em suas carreiras, dentro e fora do País.Workaholic - Desde o ano passado, Donato não pára de produzir. Está envolvido na feitura de cinco discos, em diferentes Estados do País. Em São Paulo, gravou o terceiro álbum pelo selo Elephant Records, do russo Vartan Tonoian, que reside em Denver. O primeiro CD, Amazonas, saiu em março. Já o segundo, ainda não lançado, é o resultado de um memorável concerto com a Orquestra Jazz Sinfônica, em abril. O novo disco mantém a formação de trio, composto por Donato ao piano, Claudio Slon na bateria e Luiz Alves no contrabaixo, além, lógico, do espírito jazzístico. Donato está mantendo essa formação de trio, marcante no trabalho Amazonas, nos seus shows, como o de amanhã e domingo com Ithamara. Ele será acompanhado por Luiz Alvez e pelo percussionista e baterista Robertinho Silva.No Rio, o projeto é em família. O selo fonográfico Deckdisc, agora distribuído pela Abril Music, teve a idéia de registrar as novas parcerias de Donato com seu irmão, Lysias Ênio. Eles têm 22 músicas inéditas prontas, que serão divididas em dois volumes. Donato quer incluir a participação de Marisa Monte, Fernanda Abreu, Arnaldo Antunes e Ed Motta. Com exceção desse trabalho, os outros álbuns devem ser lançados neste ano. O outro CD, que está sendo feito, é Café com Pão 2 (ou Remando na Raia), com o parceiro Eloir de Moraes.O terceiro projeto foi feito em Brasília. Chama-se I Love You. O disco começou a ser pensado no dia 3 de dezembro de 1999, quando Donato fez uma apresentação na casa Carpe Diem, em Brasília. Foi quando conheceu Ivone, com quem se casará este mês. I Love You marca ainda o encontro de Donato com a paz (As Palavras da Bíblia). Em 2000, ele também pôde ser ouvido nos novos CDs de Marisa (Memórias, Crônicas e Declarações de Amor), Bebel Gilberto (Tanto Tempo), Joyce (Tudo Bonito), Fernanda Abreu (Entidade Urbana) e Moreno Veloso (Máquina de Escrever Música).Num caminho qualitativamente parecido com o de João Donato, inclusive pelo reconhecimento conquistado fora do País, Ithamara Koorax está na lista dos melhores cantores de jazz da conceituada revista Down Beat.Ela destacou-se no início dos anos 90. Foi a primeira brasileira a ser votada entre os melhores intérpretes de jazz pela Down Beat- atrás apenas de Santana e Sting e à frente de Tom Waits e Steve Wonder - desde Flora Purim, nos anos 70. Ela ainda concorre ao Grammy com o CD Serenade in Blue, também indicado como melhor álbum vocal de jazz, produção e arranjo, no caso o de Eumir Deodato para a faixa Arranjuez. Nesse disco, a cantora teve a felicidade de rever velhos amigos. Entre eles, Gonzalo Rubalcaba, Dom Um Romão, Marcos Valle e Eumir Deodato.Ithamara pretende voltar ao estúdio. Dessa vez, com a intenção de gravar obras do compositor Dave Brubeck, que lhe enviou mais de 20 músicas inéditas. Mas, após essa apresentação com João Donato, esses planos podem mudar.João Donato e Ithamara Koorax. Sábado , às 21 horas, e domingo, às 18 horas. De R$ 7,50 a R$ 15,00. Teatro do Sesc Pompéia. Rua Clélia, 93, tel. 3871-7700

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.