João Bosco se apresenta no palco com amigos

Este ano, o cantor e compositor João Bosco completa 60 anos de vida e mais de 30 de carreira. Será um ano pontuado por projetos, a começar pelo show que ele apresenta hoje e amanhã no Auditório Ibirapuera, onde receberá convidados (Yamandú Costa hoje, e Djavan, Guinga e novamente Yamandú amanhã) e gravará um DVD. "Quando recebi o convite para o DVD, pensava em fazer uma parte do repertório com inéditas e outra retrospectiva", conta Bosco. No final das contas, ele optou por se restringir à segunda parte, já que entrará em estúdio em junho para gravar um CD só de inéditas, que deve ser lançado entre setembro e outubro. "Deixei repertório inédito para o CD de inéditas." Bosco colheu momentos importantes de sua carreira e os reverteu em repertório abrangente, que vai de um viés mais social de suas composições, como Quilombo/Tiro de Misericórdia (parceria com Aldir Blanc), até músicas mais românticas, como Jade. O músico tocará pela primeira vez em um show Bala com Bala, outra parceria com Blanc. "É que Elis se deu tão bem interpretando essa canção que eu nunca a toquei num show." Entre os próximos projetos, já está marcada uma turnê pela Europa ao lado do pianista e amigo Gonzalo Rubalcaba. A dupla só não definiu ainda se gravará um CD com o qual vai excursionar durante cerca de dois meses ou se vai registrar um CD a partir desses shows. João Bosco. Auditório do Ibirapuera (800 lug.). Parque do Ibirapuera, portão 2, tel. 6846-6000. Hoje e amanhã, 20h30. R$ 30

Agencia Estado,

15 de fevereiro de 2006 | 12h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.