Reprodução
Reprodução

Joan Jett vai tocar com Foo Fighters no Lollapalooza, diz Dave Grohl em vídeo

Em entrevista para o festival, vocalista fala sobre expectativa de voltar ao Brasil após dez anos

estadão.com.br,

29 de novembro de 2011 | 13h19

SÃO PAULO - Dave Grohl falou em um vídeo sobre sua expectativa em tocar no Lollapalooza Brasil no ano que vem e anunciou que pode tocar com Joan Jett no festival, que acontece nos dias 7 e 8 de abril em São Paulo.

 

Na entrevista de cerca de sete minutos divulgada nesta segunda-feira, 28, o vocalista comenta a primeira passagem do Foo Fighters pelo Brasil e o que os fãs podem esperar dez anos depois de sua vinda com o grupo, que tocou no Rock In Rio em 2001.

 

"Agora temos 10 anos a mais de músicas para tocar, estamos dez anos melhores, estou dez anos mais bonito, estou dez anos mais inteligente, estou dez anos mais engraçado, dez anos mais radical", brincou Grohl.

 

 

O vocalista diz ainda que está animado para assistir à apresentação do Jane's Addiction, banda do fundador do festival Perry Farrel, TV on the Radio e Cage The Elephant, mas que quem ele realmente quer ver tocar é Joan Jett. "Ela é o verdadeiro negócio. Ela é a verdadeira roqueira", diz. Ele explicou que a cantora tocou com o Foo Fighters em Nova York e que a banda a convidou para participar da turnê deles na América do Sul. "Ela aceitou e estou muito empolgado para tocarmos juntos. Espero que eu tenha a oportunidade de tocar Bad Reputation com ela".

 

O Lollapalooza terá cerca de 50 atrações musicais. Dois décimos dos ingressos foram vendidos em pré-venda para usuários que se cadastraram previamente no site oficial do evento pelo valor de R$ 500 para os dois dias. As vendas para o público geral começam em 5 de dezembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.