Reuters
Reuters

Jessie J vence apelação sobre direitos autorais do hit 'Domino'

Músico Will Loomis alega que cantora plagiou melodia de 'Bright Red Chords'; compare as canções

Jonathan Stempel, Reuters

02 de setembro de 2016 | 19h50

A cantora pop britânica Jessie J conseguiu que um tribunal de apelações dos Estados Unidos rejeitasse a queixa de um compositor californiano que alegou que ela teria roubado a melodia de uma de suas músicas para o hit Domino, de 2011.

O 9º Tribunal do Circuito de Apelações disse que Will Loomis não mostrou que Jessie J, Dr. Luke, Max Martin e outros compositores de Domino tiveram acesso à sua música Bright Red Chords, de 2008, e que seu direito autoral teria sido infringido. A Universal Music Group e várias afiliadas também eram réus.

Loomis disse que ele tinha fornecido uma cópia de sua canção, gravada em 2009 com sua banda Loomis and the Lust, para uma executiva de uma gravadora encarregada de "descobrir" e "compartilhar" músicas, e que através dela a música poderia ter chegado aos compositores de Domino.

Ele também disse que Dr. Luke e Martin podem ter acessado Bright Red Chords em 2010, enquanto ajudavam Katy Perry a gravar seu álbum Teenage Dream, através do cenário de músicas local ou por um ex-guitarrista da Loomis and the Lust que havia se juntado à banda de Katy.

O juiz Richard Clifton, do tribunal de apelações de Pasadena, no entanto, disse que a "mera receita corporativa" da música de Loomis não era o suficiente para fazer com que o caso fosse a julgamento.

"No fim, o registro consiste primariamente de especulações de Loomis sobre o acesso, que não obtiveram apoio por conhecimento pessoal", escreveu Clifton. "As outras evidências não preenchem as lacunas".

 

Tudo o que sabemos sobre:
Música

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.