Janet Jackson lança disco, mas mídia reage

Passados quase dois meses da polêmica cena em que Janet Jackson mostrou o seio durante show com Justin Timberlake, no intervalo do programa de maior audiência da televisão americana, o Super Bowl, a pergunta que fica no ar agora é se o ocorrido vai afetar as vendas de Damita Jo, novo álbum da cantora que chega nesta terça-feira ao mercado.A julgar pelo comportamento da mídia, parece que sim. A MTV que sempre foi generosa com os videoclipes da cantora só mostrou a última canção e as rádios não estão tocando suas músicas. A canção mais rock´n roll Just a Little While fracassou e a balada I Want You tocou somente na rádio Top 40.Muitas pessoas acusaram Janet de ter mostrado o seio como estratégia comercial. Ela e Timberlake, que cantaram juntos no dia 2 de fevereiro, quando ele arrancou um pedaço do seu vestido dela, deixando o seio à mostra, disseram que houve um mal funcionamento do vestuário. Janet repetiu na segunda-feira, no programa de David Letterman, que seu peito ficou exposto por um "acidente" e negou que tenha sido uma estratégia publicitária. O programa de Letterman faz parte da campanha de promoção de seu novo álbum.O fato é que a cena revoltou todo o país e a Comissão Federal de Comunicações (FCC, por sua sigla em inglês) abriu uma investigação e obrigou a rede CBS e aMTV a comparecer diante do Congresso. A CBS detém os direitos de retransmissão do Super Bowl e a MTV recebeu o contrato para produzir o show do intervalo dos jogos.Janet Jackson tem 18 anos de carreira e seu último disco vendeu mais de 3 milhões de cópias, sendo 600 mil na primeira semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.