Sérgio Massa/Divulgação
Sérgio Massa/Divulgação

Izael Caldeira, do grupo Demônios da Garoa, morre de covid-19 aos 79 anos

Músico estava internado desde o começo de fevereiro para tratar a doença

Redação, O Estado de S.Paulo

16 de fevereiro de 2021 | 07h34

O músico Izael Caldeira, integrante do grupo Demônios da Garoa, morreu na noite desta segunda-feira, 15, vítima de covid-19. Ele estava internado desde o começo do mês para tratar a doença. Izael tinha 79 anos, completados no último 27 de janeiro. 

Em nota publicada em rede social, a banda diz que “perdemos uma das vozes mais lindas desse País, um ser humano ímpar e que vai deixar muitas, mas muitas saudades”.

A banda vinha atualizando o estado de saúde do músico desde a sua internação, pedindo orações aos fãs. Na semana passada, uma postagem afirmava que Izael havia apresentado uma “melhora inesperada”, mas que o quadro seguia grave.

O Demônios da Garoa é um dos grupos mais longevos da música brasileira. Formado em São Paulo, no próximo dia 23 completa 78 anos desde a sua formação. Izael ingressou no grupo em 1999 e tocava timba, além de cantar. Deixa mulher, cinco filhos, nove netos e um bisneto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.