Peter Dejong/AP Photo
Peter Dejong/AP Photo

Itália vence festival Eurovision com banda de rock Måneskin; ouça

Evento foi restrito por conta da pandemia, contando com 3.500 espectadores, todos submetidos a teste contra a covid-19

Charlotte Van Ouwerkerk, AFP

23 de maio de 2021 | 12h15

"O rock and roll nunca morre". A Itália venceu, neste sábado, 22, o Festival da Canção de Eurovision, com os rockeiros do grupo Måneskin, que conquistaram na Holanda um público muito restrito após um ano de pausa pela pandemia.

Com Voila, uma música sobre a autoafirmação e um assunto íntimo que espera que lhe sirva de cartão de visita para conquistar uma audiência, a francesa Barbara Pravi, frequentemente comparada com Edith Piaf, ficou em segundo lugar, seguida pela Suíça em terceiro.

Vestidos com couro e transbordando energia, os italianos levaram o primeiro lugar de um espetáculo cheio de brilho e extravagância, que em 2020 foi cancelado pela primeira vez em sua história.

"Só queremos dizer a toda Europa, ao mundo inteiro, que o rock and roll nunca morre", afirmou Damiano David, o vocalista da banda italiana, ao receber o troféu. 

Ouça à apresentação da música Zitti e Buoni, da banda Måneskin:

As condições sanitárias obrigaram o evento, acompanhado todo ano por milhões de espectadores, a se reinventar. "Acreditamos que o evento foi um alívio" para os europeus depois de um ano de pandemia, declarou o grupo italiano em coletiva de imprensa depois da vitória. 

"Estamos muito gratos pela oportunidade de fazer parte deste grande evento. Foi realmente incrível", acrescentou.

Essa vitória "pode ser uma mensagem de esperança" para a Itália, um dos países europeus mais afetados pela covid-19, disse a baixista Victoria De Angelis.

Milhares de fãs desta competição colorida, que balançam as bandeiras de seus países em frente às câmeras de televisão, não puderam ir à cidade holandesa devido às restrições de viagem impostas para combater a pandemia.

Público foi submetido a teste de covid

Apenas 3.500 espectadores, que foram submetidos a um teste contra a covid-19, foram autorizados a assistir a semifinal, a final e os seis ensaios gerais. Isso representa apenas 20% da capacidade da sala de espetáculos.

O grupo Måneskin, formado por uma mulher e três homens, proporcionou à Itália sua terceira vitória nesta competição pouco popular entre os artistas que reivindicam a influência das "bandas de rock" tradicionais.

Fiel à tradição, a edição 2021 também traz seu lote de canções explosivas interpretadas por personagens extravagantes, artistas que representam uma minoria ou que querem transmitir uma mensagem ao público.

Sob o slogan "Abramos!", a edição de 2021 do Eurovision foi como um sopro de ar fresco para os habitantes de Roterdã, apesar da grande sombra da pandemia.

Assista ao momento de entrega do prêmio à banda Måneskin:

 

Tudo o que sabemos sobre:
Itália [Europa]EurovisionMåneskin

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.