Incêndio destrói casa de Johnny Cash no Tennessee

A casa no Tennessee do falecido ícone da música country Johnny Cash foi destruída por um incêndio na terça-feira, 10, enquanto passava por reformas para ser ocupada por seu novo proprietário, o músico Barry Gibb, dos Bee Gees, informou um jornal local.Johnny Cash e sua mulher, June Carter Cash, viveram na residência de três andares às margens de um lago em Hendersonville, Tennessee, 32 quilômetros ao norte de Nashville, de 1968 até 2003, quando ambos morreram em um intervalo de poucos meses.De acordo com o jornal Hendersonville Star News, um oficial do corpo de bombeiros disse que o fogo provavelmente começou quando vapores de um produto de preservação da madeira empregado nos trabalhos de reforma foram incendiados por uma faísca.A casa foi mostrada no vídeo premiado com o Grammy Hurt, em que Johnny Cash, já perto de morrer, fez uma retrospectiva de sua vida desenfreada. Sua filha mais velha, Rosanne Cash, elogiou a casa na canção House on the Lake, que faz parte de seu álbum mais recente, Black Cadillac.Os herdeiros de Johnny e June venderam a casa a Barry Gibb no início de 2006, e consta que Gibb pretendia usá-la como casa de férias durante a temporada dos furacões em Miami, onde ele vive. O Hendersonville Star News disse que a reforma está em fase final e citou um amigo de Gibb dizendo que o músico pretendia mudar-se para a casa no verão.Na época da compra da casa, Gibb declarou que se sentia honrado por adquirir a residência e que estava determinado a preservá-la em honra à memória de Johnny e June Cash.Johnny e June Cash foram homenageados no ano passado com o filme Johnny e June, dirigido por James Mangold. Os dois foram interpretados por Joaquin Phoenix e Reese Whiterspoon - ela levou o Oscar pela atuação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.