AFP
AFP

Imagem de Madonna envolta em bandeira de Taiwan cria polêmica

Cantora está rodando o mundo com a turnê de 'Rebel Heart'

AFP

05 de fevereiro de 2016 | 12h53

A cantora Madonna está no meio de uma delicada disputa política entre Taiwan e China por causa de imagens da diva pop envolta na bandeira da ilha durante um show.

Os jornais locais Apple Daily e Liberty Times publicaram fotos da cantora com a bandeira nos ombros enquanto cantava na quinta-feira, 4, em Taipé como parte de sua turnê internacional Rebel Heart Tour.

A iniciativa foi aplaudida com entusiasmo por muitos internautas em fóruns de Taiwan, que viram no gesto uma forma de apoio à soberania da ilha frente a Pequim, que a considera um território rebelde.

O tom dos comentários, no entanto, foi muito diferente na rede social Weibo, o Twitter chinês, onde a cantora foi criticada por seu ato.

Taiwan está politicamente separado de Pequim desde 1949, depois da guerra civil vencida no continente pelos comunistas encabeçados por Mao Tsé Tung.

No entanto, as autoridades chinesas não desistiram de uma reunificação. Taiwan é reconhecido por apenas 22 países em todo o mundo.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Madonna

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.