Homenagem a Senna começa com chuva e atraso

Sob uma chuva fina e com 35 minutos de atraso, começou às 21h05 desde sábado o tributo ao piloto Ayrton Senna, morto há 10 anos. A homenagem Senna in Concert leva ao palco do Estádio do Pacaembu a nata da MPB, com nomes como Chico Buarque, Caetano Veloso, Milton Nascimento, Gilberto Gil, Daniela Mercury, Ivete Sangalo e Sandy & Júnior. Do público esperado - 30 mil pessoas -, apenas cerca de 15 mil já chegaram. O atraso provocou algumas vaias na platéia, mas o clima é tranqüilo e não houve ocorrências graves. O set list prevê 14 números musicais. O primeiro deles traz o Balé da Cidade de São Paulo ao som do tema da vitória, música que marcava as vitórias do piloto na F-1. Maior evento beneficente do ano, o Senna in Concert foi idealizado pelo Instituto Ayrton Senna, e sua renda será revertida para programas sociais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.