Herdeiros de Hendrix vencem disputa com gravadora

A família de Jimi Hendrix conseguiu hoje na Justiça uma ordem para impedir um selo de Nova York de lançar gravações do guitarrista feitas no início de sua carreira, ao lado de uma obscura Curtis Knight & The Squires. No processo movido pelos herdeiros de Hendrix, a PPX Enterprises é acusada de não pagar os direitos autorais e de autorizar lançamentos sem a licença da família, contrariando acordo feito em 1973, três anos após a morte do guitarrista. Conforme decisão da Justiça, novos lançamentos ou licenciamentos devem ser suspensos, a não ser pelo material contido em 33 fitas cujos direitos, os herdeiros concordam, são mesmo da gravadora. Ficou determinado também que a PPX pague 70% dos gastos da família de Hendrix com advogados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.