REUTERS/Jim Young
REUTERS/Jim Young

Guitarrista do Queen, Brian May diz que esteve perto da morte

Ao investigar as origens de fortes dores nas costas, May descobriu que havia sofrido um pequeno infarte

O Estado de S.Paulo, O Estado de S.Paulo

25 de maio de 2020 | 16h11

O guitarrista do Queen, Brian May, postou um vídeo no seu Instagram dando uma notícia assustadora a seus fãs. Pois sem querer, quando investigava a origem das fortes dores nas costas, encontrou um nervo ciático comprimido e, para sua surpresa, “um pequeno ataque cardíaco”. “Eu tinha certeza que era um cara saudável. Boa pressão sanguínea, boa alimentação”, escreveu ele, brincando.

May primeiro, há duas semanas, havia tropeçado enquanto cuidava de seu jardim e foi levado ao hospital, onde descobriu ter rasgado um músculo do quadril. Uma semana depois, continuou sentindo dores nas costas, o que pensava ser por causa do acidente. O próprio guitarrista diz em sua postagem que “não há mais motivos para se preocupar”, e que já se recuperou de todas as dores. “Como é que os discos da minha coluna foram esmagados? Bom, carregar uma guitarra pesada no ombro pode ter algo a ver com isso. Mas, provavelmente, valeu a pena!”.

Tudo o que sabemos sobre:
QueenBrian May

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.