Alysse Gafkjen/Divulgação
Alysse Gafkjen/Divulgação

Guitarrista do Black Keys lança primeiro disco de nova banda

The Arcs é um projeto de Dan Auerbach com músicos amigos que soa quilômetros de distância do rock de garagem

Pedro Antunes, O Estado de S. Paulo

28 Agosto 2015 | 05h00

Dan Auerbach fora do Black Keys sempre mostrou que poderia render muito mais se estivesse rodeado de músicos também exímios. Lançou um disco solo, Keep It Hid (2009), produziu um bom punhado de bons discos (trabalhos de Ray LaMontagne, Lana Del Rey e Dr. John). A nova empreitada do músico norte-americano de 36 anos é se aproximar do R&B, soul e psicodelia vintage com o novo projeto paralelo, The Arcs. 

A nova banda não coloca fim no Black Keys, duo de garage rock formado ao lado do pouco versátil baterista Patrick Carney, embora abra ainda mais os leques de Auerbach. Ao lado de músicos competentes (Leon Michels, Richard Swift, Homer Steinweiss, Nick Movshon e Kenny Vaughan), ele mostra um potencial de ser pop mesmo quando não quer. 

Yours, Dreamily, primeiro disco do projeto, flerta com diferentes sonoridades, como se cada integrante do sexteto formado por amigos tentasse superar o companheiro numa batalha de grandes proporções que se espalha por campos do R&B, do soul, do blues rock que beira o experimental de Captain Beefheart da e psicodelia – esta última, já explorada por Dan Auerbach em Turn Blue, mais recente disco do Black Keys. 

O disco pulsa por 45 minutos como se estivesse vivo. Ao todo, as 14 canções foram gravadas em duas semanas em diferentes estúdios espalhados pelo território norte-americano: Los Angeles, New York e Nashville, no estúdio do próprio Auerbach, chamado Easy Eye Sound, foram os endereços escolhidos para The Arcs. 

O líder do Black Keys afirmou em entrevistas recentes que se sentiu aliviado em dividir as funções de composição com outros integrantes do grupo, algo que não costumava acontecer com o Keys. Disse também estar aliviado pelo fato de que o fator “tocar na rádio” não esteve envolvido na concepção de nenhuma das canções. 

Ainda assim, Outta My Mind e Put a Flower In Your Pocket parecem ser feitas para entrar em alta e rotação nas rádios. Stay In My Corner, single do disco, já toca com frequência na Beats 1, rádio do Apple Music. Há experimentações, é claro, como a sexual Come & Go, a roqueira The Arc e a western Pistol Made of Bones. Shows do The Arcs ainda não foram anunciados, mas Auerbach quer manter o projeto vivo com shows e novos discos. Ainda bem. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.