Carlo Allegri Reuters
Carlo Allegri Reuters

Grammy terá prêmio para compositor do ano

Premiação terá cinco novas categorias a partir do ano que vem, como reconhecimento especial para canções com a temática de mudança social

Marie-Louise Gumuchian, Reuters

09 de junho de 2022 | 16h11

A premiação do Grammy terá cinco novas categorias a partir da cerimônia do ano que vem, afirmaram organizadores nesta quinta-feira, 9, incluindo honrarias para composição, assim como um reconhecimento especial para canções com a temática de mudança social

A Academia de Gravação, responsável pela distribuição do prêmio, anunciou a criação do prêmio de compositor do ano (de música popular), para reconhecer "os compositores mais prolíficos, sejam eles artistas executantes de suas obras ou não, pelo conjunto de novos trabalhos lançados durante o ano considerado".  

As novas categorias também incluem melhor performance de música alternativa, melhor performance de música americana, melhor trilha sonora de videogames e outros meios interativos, e melhor álbum de palavra falada e poesia

A academia afirmou ainda que irá introduzir um prêmio especial de reconhecimento para melhor música pela mudança social, para o qual as canções escritas precisam "conter letras que abordem uma questão social contemporânea e promovam entendimento, paz e empatia". 

O vencedor será escolhido por um comitê e confirmado pelo Conselho de Curadores da Academia de Gravação. 

"Estamos animados para homenagear essas comunidades diversas de criadores de música por meio de novas premiações e reformas estabelecidas, e para continuar cultivando um ambiente que inspire a mudança, o progresso, e a colaboração", afirmou o diretor-executivo da Academia de Gravação, Harvey Mason Jr., em nota. 

 

Tudo o que sabemos sobre:
músicaGrammyGrammy Latino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.