Gil receberá em Estocolmo prêmio já concedido a B.B. King

Estocolmo vai inaugurar amanhã, segunda-feira, uma programação de dez dias de música brasileira por ocasião da entrega do prêmio Polar de Música ao músico e ministro da Cultura do Brasil, Gilberto Gil, no próximo dia 23. Nomes de artistas como Silvério Pessoa, DJ Dolores e os hispânico-brasileiros Wagner Pá & Brazuca Matraca estão em um cartaz junto com representantes de vários outros gêneros musicais.Gil, que fará uma apresentação eletro-acústica um dia após receber o prêmio, também participará de um debate depois da exibição do filme "Moro no Brasil". Além disso, se reunirá com o ministro da Cultura da Suécia, Leif Pagrotsky. O músico e ministro, que dividirá o prêmio este ano com o barítono alemão Dietrich Fischer-Dieskau, foi premiado por seu "compromisso criativo em levar ao mundo o coração e a alma da música do Brasil", e também por seu "grande talento, curiosidade e firme convicção cultural", segundo o júri.Os ganhadores receberão um diploma e um prêmio de 1 milhão de coroas suecas (110.000 euros) das mãos do rei Carl Gustaf da Suécia. O prêmio Polar, considerado um Nobel dessa área na Escandinávia, foi criado em 1989 pelo compositor e representante do grupo Abba Stig Anderson, e entre os ganhadores estão B.B. King, Gyorgy Ligeti, Keith Jarret, Bob Dylan, Ray Charles, Pierre Boulez e Dizzy Gillespie.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.