Gil encontra Macaco Bong no Auditório do Ibirapuera

Show 'Futurível' comemora encerramento do Fórum Internacional Geopolítica da Cultura e da Tecnologia

Estadão.com.br,

10 de novembro de 2010 | 14h47

Gilberto Gil encontra o power trio instrumental revelação de Cuiabá, Macaco Bong, no palco do Auditório do Ibirapuera, neste domingo, 14. O espetáculo se chama Futurível (título de uma música lançada por Gil em 1969 que juntava as palavras "futuro possível") e celebra o encerramento do Fórum Internacional Geopolítica da Cultura e da Tecnologia, que acontece na Cinemateca Brasileira, até sábado.

 

O DJ Tudo introduz o show com sua pesquisa da música brasileira profunda, e convida a Banda de Pife Princesa do Agreste, de Caruaru, acompanhado de projeções de Giuliano Scandiuzzi, o DVJ Scan. Gil cria as convergências e diálogos entre essas vozes, sopros, tambores e instrumentos eletrônicos, que mostram como a música nacional é um dos símbolos mais notáveis da potência transformadora do Brasil no mundo.

A apresentação termina com Gil e o trio Macaco Bong no palco. A banda é um dos destaques do Circuito Fora do Eixo, movimento artístico e social em que a novíssima cena independente brasileira troca tecnologias de produção coletivistas e solidárias. O trio baseia-se na desconstrução dos arranjos da música popular em seus formatos convencionais e alia a linguagem das harmonias tradicionais da música brasileira com jazz, fusion e rock-pop. A banda teve o álbum Artista Igual Pedreiro eleito o melhor de 2008 pela revista Rolling Stone Brasil.

 

SERVIÇO

Futurível (Gilberto Gil, DJ Tudo, Banda de Pife Princesa do Agreste e Macaco Bong)

Domingo, 14/11

Auditório do Ibirapuera - Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº - Portão 2 do Parque do Ibirapuera

Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada)

Classificação: Livre

Tudo o que sabemos sobre:
gilberto gilmacaco bongdj tudopife

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.