Gil, Caetano, Tom Zé e Rita Lee lamentam morte de Duprat

Seus antigos colegas, Gilberto Gil, Caetano Veloso e Tom Zé, falaram hoje sobre a perda do arranjador e maestro Rogério Duprat. Gilberto Gil, ministro, cantor e compositor - Para o ministro Gilberto Gil, Duprat foi figura fundamental no trabalho dele, de Caetano Veloso, Tom Zé e Os Mutantes. ?Rogério Duprat foi um grande amigo. Sou um grande admirador dele. Foi uma pessoa fundamental para o Tropicalismo, um colaborador extraordinário e um estimulador dos ímpetos transformadores e criativos, da não acomodação e do desejo de mudança. Teve experiências anteriores ao nosso trabalho com a música erudita em São Paulo, nos trazendo uma rica bagagem. O Duprat tinha uma posição muito arrojada, muito clara de interação entre a música popular e a erudita, na contramão do pensamento convencional da época. Foi uma pessoa muito querida, embora de convívio pouco freqüente?, disse o ministro.Caetano Veloso, cantor e compositor - Caetano considera o maestro um dos núcleos do movimento tropicalista. ?Ele não só fez arranjos geniais, como apresentou Os Mutantes ao Gil, o que foi de grande importância para todos nós?, disse Caetano. ?Ele foi uma das presenças mais importantes na história da minha vida profissional. Ele tinha uma consciência musical muito aguda e sabia produzir como ninguém.?Tom Zé, cantor e compositor - No disco Tropicália, Rogério Duprat fez ?a roupa de gala para apresentar todo o acontecimento?. ?Tudo foi entregue a ele e transformado em peças de orquestra. Foi realmente uma colaboração muito acima do que um arranjador pode fazer.?Rita Lee, cantora e compositora - Duprat está para o Tropicalismo assim como George Martin para os Beatles, só que Duprat era muito mais genial...as trompetas do céu vão ter arranjos muito doidos....estou mandando flores e um beijo na Lali.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.