Gerações de sambistas se reúnem em São Paulo

O Sesc Consolação, em São Paulo, começa o ano nesta segunda-feira recebendo diversas gerações de sambistas, graças ao projeto Samba de Gente Bamba. O evento, que será realizado ao longo de todo o mês, prevê uma série de shows com artistas dos mais diferentes segmentos do samba. "Queríamos fazer uma programação mais alegre neste início de ano, como foi o evento Sacode a Poeira e Dá a Volta por cima, no ano passado" diz a coordenadora do Centro Experimental de Música da unidade, Elisabete Vecchiato. Outra prioridade, segundo ela, foi trazer tanto antigos ícones do gênero quanto novos talentos.A abertura da série de apresentações ficará a cargo mesmo do veterano Germano Mathias, que faz show segunda e terça. Com 68 anos e 47 de carreira, Germano promete dois shows que agradarão, em especial, aos admiradores dos velhos sambas, daqueles que são raros de se ouvir hoje em dia.O repertório mesclará canções do recente CD "Talento de Bamba" (lançado pela gravadora Atração) e de um disco antigo "Sambas pra Seu Governo", de 1970, relançado pela Warner. Ele vai sambar pérolas como "Só por Causa da Viola", "Toda no Meu Lar", "Vai Que depois Eu Vou" e "Enlouqueci".Um dos mais representativos sambistas paulistas, Germano interpretará ainda "Tempo Feliz", que fará parte de seu próximo álbum, "Sambas Daquele Tempo", reunindo "sambas de morro" das décadas de 40 e 50. "Estou melhor agora do que na minha juventude: minha voz está melhor, estou com boa disposição", diz o sambista, que permaneceu durante tempos esquecido pela mídia.Mathias será seguido pelos jovens do Quinteto em Branco e Preto, que se apresenta quarta e quinta-feiras. Considerado um dos melhores grupos da nova geração, o quinteto tem como madrinha Beth Carvalho e já acompanhou nomes de peso, até mesmo alguns artistas que também vão participar do projeto Samba de Gente Bamba - entre eles, o próprio Germano, Moacyr Luz, Oswaldinho da Cuíca e Carlinhos do Cavaco.Atualmente dedicando-se à gravação de seu segundo CD, Carlinhos do Cavaco apresenta-se nos dias 10 e 17. O lendário sambista Mário de Souza Marques Filho, o Noite Ilustrada, que acumula meio século de carreira, mostra canções do recente CD, Perfil de um Sambista, nos dias 13 e 14. Já nos dias 15 e 16 o Clube do Balanço, liderado por Marco Mattoli, interpreta clássicos do samba-rock, como "Segura a Nega" e "Paz e Arroz".Dias 20 e 21, é a vez do cantor Edson Montenegro subir ao palco. Nos dias 22 e 23, a platéia presenciará o encontro de uma dupla afiada, formada pelo ritmista, cantor e compositor Oswaldinho da Cuíca, ex-Demônios da Garoa, e pelo cavaquinista e percussionista Odair Menezes.O Revista do Samba - única banda brasileira a participar da feira de música Strictly Mundial 2003 na França - leva ao público clássicos do samba nos dias 24 e 31. Dias 27 e 28, haverá show com o sambista Moacyr Luz e, nos dias 29 e 30, com o grupo Bons Tempos.Serviço - Samba de Gente Bamba. De segunda a sexta, às 20 horas. Entrada franca. Sesc Consolação. Rua Dr. Vila Nova, 245, em São Paulo, tel. (11) 3234-3000. Até 30/1.

Agencia Estado,

05 de janeiro de 2003 | 18h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.