Galactic, revelação de New Orleans, se apresenta em SP

Destaque entre novas bandas enxerta hip-hop e eletrônica na tradição e faz som inapelavelmente dançante

AE, Agencia Estado

14 de maio de 2009 | 09h16

Novíssimos representantes da tradição do funk de New Orleans, uma escola que teve nomes referenciais como The Meters, The JB's, Booker T. & the MG's e os Neville Brothers, chega a São Paulo hoje o quinteto Galactic, pela primeira vez no Brasil para um show no Bourbon Street - com abertura do nacional Funk como Le Gusta.

É uma opção imbatível para quem pensa em balançar o esqueleto nesta madrugada. Os componentes desse novo combo do funk incluem combustíveis novos na sua mistura, como o hip-hop e a música eletrônica. "Nós quisemos tipo modernizar o som de New Orleans", diz o baixista Robert Mercurio, que formou a banda Galactic há uma década com o baterista Stanton Moore, o saxofonista e gaitista Ben Ellman, o tecladista Richard Bogel e o guitarrista Jeff Raines.

Mercurio fala sobre o novo álbum do grupo, ''From the Corner to the Block'' (selo Anti Records), que mostra colaborações do Galactic com MCs de hip-hop e astros de outros ramos sonoros, como Lyrics Born (de São Francisco), Ladybug (Digable Planets), Boots Riley, Trombone Shorty, Lateef, o DJ Z-Trip, Chali 2na e o rapper Juvenile, entre outros. Em New Orleans, o Galactic é estrela de primeira grandeza, já lotando casas de concertos tradicionais da cidade, como o Tipitina?s.

Ben Ellman produziu o disco com o produtor Count (que trabalhou com DJ Shadow). Count também mixou o trabalho. O disco é difícil de ser executado sem os vocalistas convidados, já que o quinteto é instrumental. Ultimamente, a vocalista Chali 2na e seu irmão costumam acompanhá-los nas turnês, muito disputadas nos Estados Unidos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Galactic. Bourbon Street. Rua dos Chanés, 127, Moema. Tel. (011) 5095-6100. Hoje, 22 h. R$ 65

Tudo o que sabemos sobre:
músicaGalactic

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.