Gaita, violão e guitarra na terceira noite do Visa

O Prêmio Visa de MPB - Edição Instrumental - realiza hoje sua terceira eliminatória. Apresentam-se no Teatro Cultura Artística, na Rua Nestor Pestana, a partir das 20 h, mais quatro candidatos: o gaitista Gabriel Grossi, de Brasília, a dupla de violonistas Duofel, de São Paulo, o Grupo Tetralogia, também paulista, e o guitarrista niteroiense Dino Rangel. A entrada é franca e os ingressos devem ser retirados na bilheteria do teatro, até meia hora antes do início das apresesentações. Neste ano, foram 365 os inscritos, vindos de 16 Estados brasileiros, e 24 foram selecionados para o concurso.A noite de hoje vai ser aberta pelo gaitista Gabriel Grossi, que iniciou seus estudos em 1996, tocando gaita diatônica; descobriu a gaita cromática, estudou harmonia e arranjo com Ian Guest, e passou a usar o instrumento em gêneros e estilos aos quais ele nem sempre é aplicado - choro, frevo, baião, por exemplo.É aluno de Maurício Einhorn, talvez o maior gaistista brasileiro de todos os tempos, músico rigoroso na escolha de seus alunos.Os segundos concorrentes são Luiz Bueno e Fernando Melo. Da junção dos dois nomes surgiu o nome Duofel. Luiz é paulistano, Fernando, alagoano, de Arapiraca, município onde nasceu também Hermeto Paschoal. E Hermeto foi o grande incentivador do duo, que tem 23 anos de existência e discos premiados. Autodidatas, os músicos do Duofel são donos de estilo muito próprio e vigoroso, que combina os violões de forma especial e diferente de outras experiências do mesmo modelo.O Grupo Tetralogia é integrado por músicos de formação clássica e atuação na área erudita. O clarinetista Luís Afonso Montanha é da Sinfônica do Teatro Municipal, da Jazz Sinfônica e do Sujeito a Guincho; Cartlos Tarcha pertence às mesmas orquestras e é professor da USP; Newton Carneiro é da Sinfônica da USP e também da Jazz Sinfônica. Eles têm como convidado especial o violoncelista Dimos Goudaroulis, que atua na Orquestra Popular de Câmara e no grupo Triplo Contínuo.Por fim, o guitarrista e compositor Dino Rangel, que tem um CD lançado pelo selo Niterói Discos, com participações de Arthur Maia e Zé Canuto, entre outros grandes músicos, faz sua apresentação. Aluno de Sérgio Benevenuto e Ian Guest, tem experiência internacional e atua também como arranjador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.