Filho de Ozzy Osbourne toca no Brasil

Jack e Kelly Osbourne, filhos do roqueiro Ozzy Osbourne, ficaram famosos com o reality show The Osbournes e agora ambos tentam ser atores. Mas o que pouca gente sabe é que o filho primogênito de Ozzy, Louis Osbourne, nunca participou do seriado e seguiu um caminho bem diferente. Ele é DJ de techno, house e electro e toca este fim de semana em São Paulo e no Rio. Louis, de 30 anos, é irmão de Jack e Kelly apenas por parte de pai e, fugindo das tradições musicais da família, tornou-se DJ aos 19 anos, depois de freqüentar a cena clubber de Birmingham, Inglaterra. "Eu nunca flertei com o rock, meu coração sempre foi eletrônico", brinca Louis, em entrevista por telefone. Ele toca hoje no clube Soul Sister e fecha amanhã o line-up da festa Delírio, no Morro da Urca. É a estréia de Louis em terras latino-americanas, depois de uma bem-sucedida carreira na Europa e nos Estados Unidos. Ele já foi residente no famoso Amnesia, em Ibiza, e tem investido ultimamente no rentável circuito eletrônico alemão. Ele acaba de lançar seu segundo EP, Beats Reality, voltado especificamente para o mercado europeu. Seu som é bem flexível, indo do techno raiz de Detroit até o techouse inglês, passando pelo minimal e o electro da Alemanha. A comparação com o pai é inevitável. "Ele me apóia em tudo, apesar de não gostar do meu som. O gosto dele é tradicional, de roqueiro com músicas com vocais", explica. O apoio do pai vem, em grande parte, pela publicidade gerada em torno de Louis. "Isso é bom e ruim ao mesmo tempo, pois há uma pressão muito maior para convencer as pessoas de que você é bom", reclama. Soul Sister. Rua Dr. Mário Ferraz, 590, Itaim-Bibi, 3045-2320. Hoje, a partir da meia noite. R$ 35 a R$ 50.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.