Filha de Benazir Bhutto faz música em homenagem à mãe

A filha mais velha da ex-premiê paquistanesa Benazir Bhutto, assassinada há pouco mais de um ano, escreveu um rap para expressar seu sofrimento pela morte da mãe. Intitulada "I Would Take the Pain Away", a música foi levada ao ar pela televisão estatal paquistanesa, acompanhando vídeos e fotografias de Bhutto. O vídeo também está no site You Tube. "Minha mãe foi assassinada. Eu nem mesmo compreendo. Sua morte valeu a pena?", canta Bakhtawar, 18, em inglês. Sherry Rehman, ministra da Informação que foi representante de Bhutto durante anos, disse que Bakhtawar, aluna da universidade de Edimburgo, na Grã-Bretanha, é autora tanto da letra quanto da melodia da canção. "É o tributo de uma filha em luto à sua mãe icônica e amorosa", disse Rehman à Reuters, na segunda-feira. A música sempre foi um hobby de Bakhtawar. Segundo Rehman, ela planeja seguir a carreira musical. Bhutto, 54, foi assassinada em um ataque suicida com armas e bombas na cidade de Rawalpindi, em dezembro de 2007. O governo de então, liderado por Pervez Musharraf, culpou militantes islâmicos por sua morte. O viúvo de Bhutto, Asif Ali Zardari, pai de Bakhtawar, se tornou presidente do Paquistão em setembro. (Reportagem de Kamran Haider)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.