Festival de música da Globo tem lançamento oficial

O telespectador vai poder escolher sua canção predileta dentre as que participam do Festival da Música Brasileira promovido pela Globo. Na última etapa, a emissora montará um esquema de votação por telefone nos moldes do utilizado no programa Você Decide. O vencedor levará o prêmio de público. O grande vencedor, porém, será escolhido por um júri de 11 pessoas, que ainda está sendo montado pela emissora. Ao todo, será distribuído R$ 1 milhão em prêmios.Hoje, a Globo reuniu os compositores das 48 músicas finalistas, no Hotel Sheraton, no Rio, com o diretor Roberto Talma e o consultor Solano Ribeiro. Entre os presentes estavam Dante Ozzeti, Toninho Horta, Zé Renato e Moacyr Luz. Ozzeti afirmou que há grande expectativa em relação ao festival. "Eventos desse tipo são importantíssimos porque nos oferecem uma oportunidade de reciclagem". Ele concorre com a música Vão.Na sua opinião, existe música para se ganhar festival. "Escolhi a minha pensando nisso; não colocaria uma música que não tivesse impacto, porque, em festival, ela tem de cativar de uma só vez". No último fim de semana, Ozzeti venceu o 3.º Prêmio Visa de MPB - Edição Compositores. Eliminatórias - A primeira eliminatória será no dia 19 de agosto às 22 horas. Ao todo, serão realizados quatro programas, transmitidos ao vivo, do Credicard Hall, em São Paulo. Os outros programas serão nos dias 26 de agosto, 2 e 9 de setembro. Os shows, no Credicard Hall, não terão ingressos vendidos. Segundo Talma, a Globo distribuirá convites. A emissora ainda promoverá uma gincana, em São Paulo, no dia 19, que dará convites como prêmio. Para cada programa, a Globo montará quatro palcos, e cada uma das 48 músicas terá direito a um set cenográfico.A principal dúvida dos compositores era sobre a divulgação de suas composições. Talma informou que as músicas classificadas serão lançadas em quatro discos, pela Som Livre. Haverá, ainda, um quinto disco que reunirá as 12 finalistas. Foi fechado também um acordo com as emissoras do Sistema Globo de Rádio para execução das músicas. Além disso, a Globo começará, a partir do dia 12 de agosto, a exibir clipes das músicas concorrentes, ao longo de sua programação. Talma não informou que músicas serão mostradas em cada eliminatória.Ele explicou que a escolha foi feita de forma que, a cada dia, a Globo "tivesse um bom espetáculo televisivo". O diretor disse que não está certo se outro festival será promovido pela emissora. "Tudo vai depender do sucesso deste", afirmou. Caso, porém, seja aprovada a continuidade do projeto, Talma informou que o festival deve ocorrer a cada dois anos. "É inviável realizar um festival de música anualmente".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.