Festival de Inverno combina popular e erudito

O fim de semana em Campos do Jordão reserva atrações tanto para o público amante da música popular como para os de música erudita. Mais do que isso, mostra que os dois gêneros não são antagônicos e que, se feita com bom gosto, a combinação pode dar bons resultados.Quem abre nesta sexta-feira a programação é o pianista vietnamita Dang Thai Son, uma das duas atrações internacionais programadas para o festival (a outra é a Orquestra do Teatro Argentino que, no dia 22, interpreta a Sinfonia n.º 2 e Ressureição, de Mahler). Vencedor, em 1980, do Concurso Chopin, de Varsóvia, um dos mais concorridos do gênero, ele dedica a primeira parte de sua apresentação a Chopin, interpretando a Polonaise Op. 40 n.º 2 em Dó Menor, o Scherzo Op. 39 n.º 3 em Dó Sustenido Menor e a Sonata Op. 35 em Si Bemol Maior. Escolha que se baseia naquilo que tem sido o destaque de suas apresentações nas principais casas de espetáculo do mundo: especialista na obra de Chopin, Son, no ano passado, ministrou ao lado de Vladimir Ashkenazy master classes sobre a interpretação de obras do compositor.Na segunda parte, ele executa noturnos de Gabriel Fauré e a versão original para piano solo de La Valse, de Maurice Ravel, usualmente interpretada em sua versão para grande orquestra.No sábado, no Auditório Cláudio Santoro, a vez da Orquestra Jazz Sinfônica, corpo estável da Universidade Livre de Música, regida pelos maestros Cyro Pereira e João Maurício Galindo. Contando com a participação especial de Rosa Passos, que tem integrado as comemorações pelo 10.º aniversário do grupo, a orquestra toca Edu Lobo, Dorival Caymmi, Villa-Lobos, Astor Piazzolla, Tom Jobim, Ari Barroso e Nelson Ayres - um pouco daquilo que tem sido a tônica de seu trabalho pioneiro nos últimos dez anos.Também no sábado, na Praça Capivari, o destaque é a presença de Moraes Moreira e banda que tocam sucessos de sua como Sintonia, Pombo-Correio, Vassourinhas, Canta Brasil e Brasil 500 Sambas.Quem ocupa a Praça Capivari, no domingo, é Altamiro Carrilho e Regional, que une Pixinguinha, Chiquinha Gonzaga, Adoniran Barbosa e Catulo da Paixão Cearense com Mozart e Ponchielli, em uma combinação única.A atração, do domingo, no Auditório, é a premiada Banda Sinfônica do Estado de São Paulo, dirigida por Daniel Havens e pelo maestro convidado Gil Jardim. No repertório da primeira parte da apresentação, Festive Overture, de Dmitri Shostakovich, The Dog Breath Variations, Uncle Meat, Outrage at Valdez, Be-bop Tango, Dupree´s Paradise e G-spot Tornado, de Frank Zappa.Na seqüência, a formação interpreta, do norte-americano Joseph Willcox Jenkins, American Overture. Villa-Lobos (Fantasia em Três Movimentos em Forma de Choro) e William Schuman (Chester - Peça para Concerto) completam o programa. Participam do concerto, também, músicos como a violinista Betina Stegman, o violista Marcelo Jaffé, o pianista Renato Figueiredo, o violonista Paulo Porto Alegre e os percussionistas Carlos Tarcha, Roberto Montag e Nelson José Carneiro Júnior.31.º Festival de Inverno de Campos do Jordão Amanhã às 21 horas, Dang Thai Son. R$ 10,00. Auditório; sábado, às 12 horas, Moraes Moreira e Banda. Grátis. Praça; às 21 horas, Orquestra Jazz Sinfônica e Rosa Passos, sob regência de Cyro Pereira e João Maurício Galindo. R$ 10,00. Auditório; domingo, às 12 horas, Altamiro Carrilho e Regional. Grátis. Praça; às 17 horas, Banda Sinfônica do Estado de São Paulo, regência de Daniel Heavens e Gil Jardim. R$ 5,00. Auditório. Endereços: Auditório Cláudio Santoro. Avenida Doutor Arrobas Martins, 1.880. Praça do Capivari. Avenida Macedo Soares s/n.º. Informações, tel. (12) 262-2334.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.