Fãs de Paul McCartney aguardam mais de 30 horas na frente do hotel

Cantor que faz show em Porto Alegre e São Paulo apareceu rapidamente e acenou para fanáticos

Lucas Nobile , O Estado de S. Paulo

06 de novembro de 2010 | 19h25

PORTO ALEGRE - Cerca de 500 pessoas ficaram concentradas na porta do hotel Sheraton em Porto Alegre, na rua Olavo Barreto Vianna, no bairro Moinhos de Vento, onde Paul McCartney está hospedado para o show que ele faz domingo no estádio do Beira-rio. Algumas delas ficaram lá por mais de 30 horas. Paul chegou ao hotel por volta do meio-dia deste sábado e saiu em torno das 20h20.

A saída do Beatle do hotel durou cerca de um minuto, com forte esquema de segurança e batedores da polícia. Simpático, Paul acenou para fãs absolutamente histéricos que o aguardavam na rua com câmeras de celulares para registrar o momento.

Entre os fanáticos, há dois argentinos vestidos a caráter, um de Paul e outro George Harrison. Cláudia Thimmig, 53 anos, está na porta do hotel desde o meio-dia: "Não me importo de ficar esperando horas na porta do hotel porque já espero por esse momento há 48 anos".

Há pessoas de diversos países da América Latina, incluindo Chile, Uruguai e Argentina. Alguns fãs carregam bandeiras da Inglaterra, Brasil e Uruguai. Várias pessoas com violão cantam sucessos dos discos, como Hey Jude, Yesterday, Let it Be e Help.

Paul está na suíte presidencial. Por volta das 16h15, uma pessoa acenou da janela e, mesmo sem ser possível identificar se seria mesmo o músico, o público respondeu com acenos e gritos. Perto do aeroporto, uma faixa trazia os dizeres: "Welcome Paul McCartney - Porto Alegre te recebe de braços abertos".

A produção do show disse que Paul fará um aceno aos fãs na frente do hotel. Em volta, há forte esquema de segurança.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.