Fãs de Harrison reunem-se no Central Park

Fãs estão se reunindo nesta sexta-feira no trecho do Central Park denominado Strawberry Fields, dedicado à memória de John Lennon, como uma forma de prestar sua homenagem ao Beatle George Harrison.Harrison, 58, morreu quinta-feira de câncer na garganta, na casa de um amigo em Los Angeles. Notícias sobre sua morte começaram a ser divulgadas na manhã desta sexta-feira e poucas horas depois os fãs dos Beatles dirigiram-se para o parque em Manhattan."Eu decidi comprar uma garrafa de vinho e algumas rosas na esquina e vir para cá", disse John Soler, 38, dono de um restaurante em Manhattan. Soler foi o primeiro fã a chegar e carregava consigo seu laptop para poder ouvir músicas dos Beatles.Strawberry Fields, que ganhou este nome por causa da música dos BeatlesStrawberry Fields Forever, foi dedicado a Lenon após ter sido assassinado por um fã em 1980. Em qualquer dia pode-se ver uma vela acesa ou um vaso de flores no mosaico que compõe a palavra "Imagine".Após a morte de George Harrison, somente dois membros da banda permanecem vivos: Paul McCartney e Ringo Starr. "Ele era parte da minha vida", disse Steve Yalof, que fez uma pausa em seus exercícios matinais pelo parque em respeito ao músico. "Ambos, eu e minha guitarra estamos chorando". Entre as canções de George Harrison, sua preferida era `While My Guitar Gently Weeps Joe Canning, 42, fã dos Beatles há 30 anos, disse que a morte de Harrison significa muito para sua geração. "Nós todos estamos ficando velhos, quando estamos avançando na idade. Nada dura para sempre, todas as coisas boas têm um fim", disse Canning. Pete Degan, 42, disse que ele possui mais de 300 álbuns dos Beatles e dos componentes da banda. Ele disse que soube da morte de George Harrison pela Internet, que ele acessava constantemente para saber sobre os progressos do estado de saúde do músico. "Hoje é um dia muito triste para o rock ´n´ roll´´, disse Degan.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.