Familiares de Chico Science anunciam acordo com a Fiat

Dez anos depois da morte do cantor e compositor pernambucano Chico Science, a família do músico anunciou, oficialmente, o fechamento de um acordo com a Fiat Automóveis - fabricante do carro que Chico dirigia ao sofrer o acidente fatal, no município de Olinda, na Região Metropolitana do Recife. De acordo com parentes e amigos de Chico, os advogados que representam a família já haviam fechado o acordo na segunda quinzena de janeiro. O anúncio oficial, no entanto, só foi feito na última sexta-feira, em uma espécie de homenagem - já que a data marcou o aniversário da primeira década do falecimento do cantor.O valor da indenização, graças a uma cláusula de sigilo prevista no contrato, não será divulgada. O que se sabe é que o cálculo leva em conta a expectativa de vida do cantor, que morreu aos 30 anos, no auge da carreira, e as possibilidades de evolução do artista. Na quinta-feira, dezenas de fãs do cantor participaram de uma peregrinação no túmulo de Chico, localizado no cemitério de Santo Amaro, na região central de Recife. A movimentação foi acompanhada de perto pelos pais do artista, Francisco Luiz de França e Rita Marques de França, e os irmãos Jefferson e Maria Goretti.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.