Família teme por suicídio de Britney Spears

Amigos e familiares crêem que vão escutar em breve notícia sobre a morte inesperada da cantora

ANSA

03 Outubro 2007 | 16h27

Família e amigos de Britney Spears estão cada vez mais preocupados com a "saúde mental" da cantora, e temem agora que a jovem pop star se suicide, devido aos constantes problemas.   Veja também:  Falta de licença para dirigir causa o drama de Britney Spears  Britney Spears perde custódia dos filhos   Em declarações ao tablóide inglês The Sun, os familiares de Britney crêem que vão escutar, pela televisão e muito em breve, a notícia sobre a morte inesperada da cantora. Eles mencionaram também as "tendências suicidas" da estrela de 25 anos, que acaba de perder a guarda dos dois filhos, Sean Preston e Jayden James.   Chanda McGovern, tia de Britney, declarou que, se a jovem não solucionar seus problemas logo, "vai terminar morta". "Estamos muito preocupados e com medo de que a situação saia de controle. Em vez de procurar sua família, ela irá atrás do apoio de amigos com quem sai e usa drogas", disse.   A tia da cantora se diz "decepcionada", e revela que "não é surpresa alguma" a decisão do juiz que tirou, em Los Angeles, a guarda dos filhos de Britney, por ela não ter se apresentado a um controle de entorpecentes. "Seus filhos estão em segundo plano e suas festas, em primeiro"

Mais conteúdo sobre:
Britney Spears suicídio

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.